Sua carta chegou! Bem vindos a Harry Potter – Hogwarts Mystery

Navegar por...

Desde de 1997, que J. K. Rowling lançou o livro Harry Potter e a Pedra Filosofal, a franquia se tornou uma das mais queridas de todos os tempos. Desde então, as histórias do bruxinho e seus amigos pairam os sonhos dos fãs, que sempre sonharam com o dia em que sua carta da escola da magia e bruxaria seria trazida por uma coruja.

Onze anos se passaram desde o lançamento do último livro da hepatologia, Relíquias da Morte, e esse dia finalmente chegou. Foi lançado para celulares, tanto Android como iOS, o game Harry Potter – Hogwarts Mystery, o que te leva para dentro desse universo fantástico.

O jogo foi lançado no último dia 27 de abril. Sim, estamos atrasados (um pouco). É que a nossa carta veio pelos Correios, aí já viu, né? Apesar disso, o jogo de RPG é bem interessante e, se você ainda não o conhecia, é melhor empunhar a sua varinha.

Dito isso, vamos lá. Prometo não fazer nada de bom.

Uma das opções de personagem que você pode criar. Quando mais incrementado, porém, mais você gasta moedas

Uma das opções de personagem que você pode criar. Quando mais incrementado, porém, mais você gasta moedas

Desenvolvido pela Jam City Inc; Harry Potter – Hogwarts Mystery é um jogo de RPG, sigla inglesa para Role-Playing Game. Basicamente, é um estilo de jogo onde você encarna um personagem para viver a sua aventura.

Nesse game, você dará vida a um bruxinho que entrará em Hogwarts para aprender a cada sua sobre magia e bruxaria. Ao fazer isso, o jogador pode criar o seu próprio personagem, seja ele homem ou mulher.

Ao fazer isso, você está apto a entrar para a escola. E o bacana é que ele dita bem o que é passado, tanto em livro, quanto em filme. Seu personagem irá passar por diversos cenários conhecidos, como o Beco Diagonal, o Olivaras e o Salão Principal da escola. Lá, você passará pelo crivo do Chapéu Seletor. A diferença é que você quem escolhe para qual das casas vai.

Para quem não está familiarizado com universo de Harry Potter, vale uma explicação. Dentro da escola de Magia e Bruxaria, existem quatro casas, como se fossem fraternidades. Cada estudante é designado a uma delas mediante escolha do Chapéu Seletor, um artefato mágico que analisa o aluno e a envia para a casa mais adequada.

Os corajosos e leais vão para a Grifinória. Ambiciosos, calculistas e orgulhosos são da Sonserina. Para a Corvinal, os escolhidos são os datados de inteligência e gosto pelo estudo. Por fim, temos a Lufa-Lufa, onde os gentis, pacientes e tolerantes encontram os seus.

Vai uma Poção do Amor aí?

Vai uma Poção do Amor aí?

O bacana do game é que ele não apenas segue apenas os roteiros de histórias conhecidas. Claro, muito do que você verá no jogo coisas comuns a esses universos. Você vai passar pelas aulas do Snape para aprender a fazer poções, aprenderá encantos e como voar em uma vassoura.

Apresar disso tudo, uma trama é trabalhada dentro do jogo. Mesmo você sendo um novato na escola, sua fama chega antes. Seu irmão também frequentou Hogwarts, mas ele foi expulso e sumiu desde então. Ao passar do jogo, você precisará pelas fases e tentar descobrir o que aconteceu com ele. Será que ele desandou para o lado D’Aquele-Que-Não-Deve-Ser-Nomeado? Só jogando para saber.

A história se passa antes de Harry chegar até a escola, mas ainda veremos outros elementos dos livros no jogo. Você terá um fiel amigo com quem viverá experiências, o professor Snape não gostará de você e é claro que existe um rival de Sonserina para pegar no seu pé.

Outro ponto positivo fica por conta da dublagem de alguns personagens. Sim, você ouvirá vozes conhecidas nesse game! Maggie Smith e Michael Gambon dublam seus personagens ali. Se você não está reconhecendo pelo nome real, os nomes de Minerva McGonagall e Alvo Dumbledore te dizem algo? Quem também marca presença no game são Warwick Davis e Gemma Jones, respectivamente, Professor Flitwitch e a Madame Pomprey.

Michael Gambon e sua versão de Harry Potter - Hogwarts Mystery

Michael Gambon e sua versão de Harry Potter – Hogwarts Mystery

E para não dizer que o jogo é 100%, temos uma crítica sobre ele. Em alguns momentos, o game se torna um anti-climax gigante. Ao todo, você tem 24 pontos de energia para consumir. E isso é muito pouco. Num momento de empolgação, onde você está no meio de uma fase bacana, você só pode correr para dois lados quando sua energia acaba. Ou você espera 4 minutos por vez para recuperar um ponto de energia ou você gasta grana. E esse lance de pay-to-win (pagar para ganhar) é bem caído.

No mais, a experiência de Harry Potter – Hogwarts Mystery é bem bacana e vale a pena ser jogado. Ele está disponível para download em suas versões para Android e iOS.


Este post só foi possível com a ajuda de Marilene Melo. Ela e outras pessoas que acreditam no Junta 7 e tornaram-se nossos padrinhos Jotinhas. Colabore você também. É só clicando aqui!

Comentários

comentário(s)