Old But Gold: The 4400 (2004-2007)

Navegar por...

Séries de mistério sempre foram uma parte importante da televisão. Claro, quando se pensa em produções do gênero a popular Lost é a primeira que vem a mente. Mas ela não foi a primeira a fazer a cabeça do público torrar de tantas teorias. Na verdade, enquanto Lost dominava a TV em 2004 e fazia fóruns on-line ferverem, outra série também fazia o mesmo e tão bem quanto. Estou falando de The 4400.

Criada em 2004 para o Canal USA por Scott Peters (que em 2009 criou o remake de V) e René Echevarria (Teen Wolf e Castle), The 4400 contava os mistérios acerca do ressurgimento de 4.400 pessoas dadas como desaparecidas nos últimos sessenta anos. Essas pessoas não apenas retornaram como também não envelheceram um dia sequer e começam aos poucos a manifestar poderes extraordinários.

2018-11-06

Os agentes Diana Skouris (Jacqueline McKenzie) e Tom Baldwin (Joel Gretsch) são encarregados de monitorar os retornados e desvendam os porquês do retorno e das habilidades. A investigação tem um impacto grande na vida deles, Diana desenvolve uma relação forte com a pequena Maia (Conchita Campbell), uma retornada que desapareceu nos anos 40 e que tem a habilidade de prever o futuro, enquanto Tom tem seu filho (Chad Faust) em coma desde o desaparecimento de seu sobrinho, Shawn (Patrick John Flueger), este que desenvolveu a habilidade de dar vida e/ou tirar a pessoas e animais.

Ainda no grupo dos retornados, temos Richard (Mahershala Ali), um soldado da guerra da Coréia que sofria preconceito por namorar uma mulher branca. Ele se aproxima de Lily (Laura Allen), também uma retornada e descendente da moça da qual Richard era apaixonado no passado.

Com quatro temporadas exibidas entre 2004 e 2007, The 4400 soube trabalhar mistérios ao longo dos seus 45 episódios como ninguém. O maior problema de séries de mistério é estender demais suas tramas e não conseguir entregar uma resposta a altura da expectativa adquirida. The 4400 não sofreu desse problema, na época da primeira temporada, ela era tratada como série limitada (sendo inclusive indicada ao Emmy na categoria), portanto a resolução sobre o mistério do por que do desaparecimento e retorno dos 4.400 foi entregue logo na primeira temporada, liberando espaço para a série explorar outras histórias e construir uma boa mitologia.

Não apenas um bom roteiro, The 4400 ainda apresenta uma estética difícil de ver na TV atualmente, com uma fotografia bem trabalhada e belos usos da noite americana (o recurso de filmar durante o dia e aplicar um filtro azulado na imagem para simular noite) ao longo dos episódios.

Cancelada pelos baixos índices de audiência, The 4400 teve parte de sua história finalizada em dois livros, Welcome to Promise City, de Greg Cox e Promises Broken, de David Mack.

Você conhecia os mistérios de The 4400? Tem alguma sugestão de série finalizada para aparecer na coluna? Deixe seus comentários!


Ajude o Junta 7 a crescer participando da nossa campanha de financiamento coletivo do Padrim. Para participar e conhecer nosso plano de recompensas, clique aqui!

Comentários

comentário(s)