Stranger Things 2: Uma temporada estranha, no melhor sentido possível

Navegar por...

O mundo invertido voltou. Demogorgons, túneis, e uma ameaça maior ainda está a solta agora. Stranger Things chegou com sua segunda temporada hoje e trouxe uma sequência digna do que a primeira temporada apresentou.

stranger-things-season-2-monster

A segunda temporada consiste em 9 episódios, um a mais que na primeira temporada. E o mais incrível, é que nesses nove episódios, você não quer parar de ver a partir do primeiro, diferente da primeira temporada, que demora um pouco para engrenar. No novo ano, Will voltou para sua vida, e tenta levar normalmente. Há vários pontos positivos no novo arco, e vou destacar alguns.

O roteiro é um dos melhores que a Netflix já produziu, os personagens são ainda mais simpáticos que antes e a série te faz gostar de todos, ali. São momentos de risada, momentos com impacto emocional forte, são momentos tristes. A série encontra uma maneira de afetar todos os seus sentimentos, e isso é algo que pouco vemos, mas que é uma coisa muito boa.

stranger-things-season-2-spoiler-free-review-netflix

Outro ponto fortíssimo é a relação que os personagens desenvolvem entre si, que é extremamente forte. São pares quase inimagináveis que te conquistam ali, logo de cara. A conexão do Mike e da Eleven, apesar de ficarem grande parte da temporada separados, é a mais forte. Ambos os personagens evoluíram muito nessa temporada, assim como o Steve, por exemplo.

Millie é uma das, se não a melhor atuação dessa segunda temporada e o personagem de Will compensa toda a falta que fez na primeira temporada, é bonito de ver. Uma boa introdução também foi a nova amiga dos meninos, Maxine, ou só Max mesmo. Seu irmão Billy é um personagem a ser explorado.

stranger-things-2-eleven

A Netflix parece ter visto que a série conquistou todo mundo, e resolveu colocar dinheiro no CGI mesmo. O resultado é espetacular. Os efeitos são bonitos, coloridos, que enchem os olhos, cada parte no mundo invertido é uma jogada de fotografia e efeitos especiais de mestre, e é muito mais usado, em comparação a primeira temporada.

A segunda temporada de Stranger Things chegou e correspondeu a todas as suas expectativas, pelo menos ao meu ver. Foi uma surra de fanservice, uma surra de referências e uma das experiências mais sensacionais que tive ao ver uma série completa, sem parar. Uma qualidade assim esperada da Netflix, baseado na primeira temporada da série.

212845

Vejam, e lembrem-se: “Amigos não mentem”.


Este post só foi possível com a ajuda de Murilo Rosella e muitas outras pessoas que acreditam no Junta 7 e tornaram-se nossos padrinhos Jotinhas. Colabore você também clicando aqui.

Comentários

comentário(s)